20
Set 09
Em relação às eleições legislativas, só me resta dar a minha opinião, que é, o que penso ser mais importante, tão simples quanto isto: votem!Não se demitam da vossa responsabilidade e não a descartem nos outros! Em ditadura, somos todos inimputáveis!Quanto à qualidade da nossa democracia, em qualquer altura se pode e deve discutir. A democracia pratica-se diàriamente.
Como a seguir teremos eleições para os orgãos locais, lanço agora o tema, o que é viver em Braga. Podemos falar em termos ambientais, dos espaços verdes, do trânsito, das zonas pedonais, do ruído e poluição sonora. É melhor começarmos por constatar se em relação ao regulamento do ruído e poluição sonora a legislação se cumpre nesta cidade. A resposta é não e cumpre dizer que em matéria de formação e educação cívica para estas questões, estamos na "idade média". Isso é visível em obras que se efectuam à noite e ao fim de semana, com a complacência geral. Atenção: todos somos responsáveis pelo incumprimento da lei e a ignorância não serve de justificação. A própria Câmara Municipal deu esse mau exemplo durante as obras na Avenida da Liberdade, não respeitando períodos nocturnos, feriados e fins-de -semana? Pergunto eu: a lei discrimina sábados e domingos?! A lei discrimina feriados religiosos e políticos?! Aliàs, em Braga, ignora-se o feriado de sexta-feira santa. Têm um feriado privado na segunda-feira seguinte! A violação da legislação do ruído é também visível no centro histórico, em locais de diversão nocturna. O limite de ruído que a lei determina às 23 horas é simplesmente ignorado, mais uma vez, com a conivência de todos, incluindo autoridade policial e Câmara Municipal.
Um aparte; não entendo nem aceito que a polícia não actue nestes e noutros casos, sem uma queixa prévia! A função da polícia deverá ser, actuar sempre em todos os casos passíveis de configurar uma violação da lei. Já agora, a próposito dos fogos postos há uns dias nesta cidade, em que prontamente se falou de videovigilância, ninguém questionou a total ausência de policiamento. Andamos na rua e só vemos policiamento próximo do Banco de Portugal, depois de ter sido assaltado! Pergunto eu: onde anda a polícia? É verdade que, ao fim de semana, uma esquadra só tenha disponível um veículo?! (A continuar)
publicado por Armindo Carvalho às 11:33

Pois...Braga...havia muito, muito, a dizer. Ergueu-se uma cidade de betão, desorganizada e descaracterizada. Ao nível cultural, então nem se fala e ainda tiveram a lata de se candidatar a Capital Europeia da Cultura!Mas não, o que interessa são os shoppings, os viadutos, a imensidão de prédios e cafés, muitos cafés!
O problema é que vai chegar a hora das eleições e quem fica??? Nem é preciso dizer...
Inês a 21 de Setembro de 2009 às 03:43

Setembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

13
15
16
17
18
19

21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO