20
Set 09
Em relação às eleições legislativas, só me resta dar a minha opinião, que é, o que penso ser mais importante, tão simples quanto isto: votem!Não se demitam da vossa responsabilidade e não a descartem nos outros! Em ditadura, somos todos inimputáveis!Quanto à qualidade da nossa democracia, em qualquer altura se pode e deve discutir. A democracia pratica-se diàriamente.
Como a seguir teremos eleições para os orgãos locais, lanço agora o tema, o que é viver em Braga. Podemos falar em termos ambientais, dos espaços verdes, do trânsito, das zonas pedonais, do ruído e poluição sonora. É melhor começarmos por constatar se em relação ao regulamento do ruído e poluição sonora a legislação se cumpre nesta cidade. A resposta é não e cumpre dizer que em matéria de formação e educação cívica para estas questões, estamos na "idade média". Isso é visível em obras que se efectuam à noite e ao fim de semana, com a complacência geral. Atenção: todos somos responsáveis pelo incumprimento da lei e a ignorância não serve de justificação. A própria Câmara Municipal deu esse mau exemplo durante as obras na Avenida da Liberdade, não respeitando períodos nocturnos, feriados e fins-de -semana? Pergunto eu: a lei discrimina sábados e domingos?! A lei discrimina feriados religiosos e políticos?! Aliàs, em Braga, ignora-se o feriado de sexta-feira santa. Têm um feriado privado na segunda-feira seguinte! A violação da legislação do ruído é também visível no centro histórico, em locais de diversão nocturna. O limite de ruído que a lei determina às 23 horas é simplesmente ignorado, mais uma vez, com a conivência de todos, incluindo autoridade policial e Câmara Municipal.
Um aparte; não entendo nem aceito que a polícia não actue nestes e noutros casos, sem uma queixa prévia! A função da polícia deverá ser, actuar sempre em todos os casos passíveis de configurar uma violação da lei. Já agora, a próposito dos fogos postos há uns dias nesta cidade, em que prontamente se falou de videovigilância, ninguém questionou a total ausência de policiamento. Andamos na rua e só vemos policiamento próximo do Banco de Portugal, depois de ter sido assaltado! Pergunto eu: onde anda a polícia? É verdade que, ao fim de semana, uma esquadra só tenha disponível um veículo?! (A continuar)
publicado por Armindo Carvalho às 11:33

14
Set 09
Estamos em campanha eleitoral para uma eleição de resultado imprevisível, o que demonstra a vitalidade da nossa democracia. Significa que as eleições não são uma mera formalidade, para quem sabe que vai ganhar e tem a "vitória no papo". Os debates que antecederam esta campanha foram importantes e devem ser incentivados, pois, o contraditório está na essência de uma genuína democracia.
Se bem se recordam, durante bastante tempo, o actual governo pareceu não ter oposição credível, a crer nas sondagens, o que configurava uma situação anormal numa democracia, que é, a ausência de alternativa governativa. Felizmente, as eleições europeias acabaram com essa situação surrealizante e trouxeram de volta algumas pessoas à terra, a começar pelo nosso primeiro-ministro.
Seja qual for o resultado destas eleições, é, de qualquer forma, a vitória da democracia e a sua renovada credibilidade. Já nos bastaram várias décadas de eleições virtuais do estado novo!
publicado por Armindo Carvalho às 14:58

11
Set 09
Esta tribuna destina-se a discutir, em princípio, qualquer assunto.
Hoje vou falar de democracia. Excluindo, à partida, qualquer tipo de ditadura, resta-nos, o que é muito, discutir da qualidade da democracia, quer dizer, elas, as democracias, não são todas iguais, apesar de supostamente preencherem requisitos mínimos.
Por eu considerar que algumas supostas democracias não preenchem esses requisitos, levanto a questão de serem ou não democracias. Por exemplo, é minha opinião que a Rússia é uma caricatura de democracia. O que acham?
Depois deste pressuposto básico, poderemos falar acerca da qualidade da nossa democracia e das próximas eleições.
publicado por Armindo Carvalho às 14:51
tags:

Setembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

13
15
16
17
18
19

21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO